Seguidores

terça-feira, 7 de agosto de 2012

algumas dicas naturais para amaciar a carne

O consumidor costuma levar em conta a aparência e quase sempre confia na boa fé do atendente para comprar carne. Se a pessoa erra na hora de levar para casa é possível contornar a situação. Confira alguns truques bem naturais para amaciar a carne.
Acém, músculo, contra filé. Tem gente que dificilmente sabe o tipo de carne que está levando para casa. “A gente leva pela aparência para conseguir ver pelo menos a carne de qualidade”.
 apesar das variedades, a carne bovina possui características que podem ajudar na hora da escolha. “A melhor carne pra se fazer o parte dianteira do boi, que é paleta, o acém. Já a parte traseira, que chamamos de carne de primeira, é para grelhar e até fazer ensopado.
Na dúvida, o consumidor acaba levando para casa a carne com melhor aparência e menor preço. O problema é quando ela não agrada depois de ter ido para panela. Para evitar tanta reclamação, um dos segredos da carne mais macia é a maneira de como ela é cortada. A faca tem que seguir o sentido contrário ao da fibra. Com isso, a carne em bife ou em pedaço fica menos consistente. Boa para o consumo e digestão. “Se cortar contrário as fibras a carne fica mais mole. Se for a favor da fibra ela fica mais rígida.
Outra dica é a substituição de produtos industrializados pelas frutas. eu sugiro o abacaxi, a laranja e o mamão como amaciantes de carne. Um processo simples e rápido. “O abacaxi utiliza três gramas para um quilo de carne. Bato a fruta com uma xícara de água no liquidificar. E depois deixar a carne de molho por no máximo 10 minutos. O abacaxi quebra as cadeias musculares”, explicou.
A carne de frango ou suína também pode ter uma consistência que facilita o consumo e a digestão. Nestes casos, a receita é colocar margarina, óleo e suco de laranja. 
Cortar a carne contrário as fibras deixa ela mais macia (Foto: Reprodução/TV TEM)